Terrorismo! A segurança privada precisa se preocupar?

O Terrorismo é um mal que vem assombrando o mundo há muito tempo e está cada vez mais perto da nossa realidade, basta abrir os jornais e esta triste constatação saltará aos olhos. A segurança privada tem que tratar este assunto de forma diferenciada e com ações mais pontuais para se buscar mais eficiência na prevenção de perdas e danos advindos desses ataques.


1 – TERRORISMO NO BRASIL


O fato é que não temos terrorismo da mesma forma em que foi caracterizado nos países que mais sofrem com este mal no mundo, isso no entanto não isenta o Brasil dos males oriundos destes ataques que cada vez mais se aproximam de nós, atraídos pela importância político-comercial que o Brasil vem tomando frente ao cenário internacional e os inúmeros outros conflitos de interesses internos. Por não termos uma agenda atribulada de terror, prevalece entre nós o entendimentos errados de que o enfrentamento ao terrorismo é função apenas do Estado e que “o particular apenas pode ficar como espectador por não ter elementos para combater”.


2 – O QUE FAZER?


Para fazer frente a este engano é que nos propusemos a fazer este artigo para desmistificar e mostrar que o empresário por meio da SEGURANÇA PRIVADA tem elementos suficientes e deve fazer o combate efetivo ao terrorismo. Antes disso há a necessidade de entender quais as fases onde devem focar os esforços privados (ideológico, preparação, deflagração e efeitos). A segurança privada não vai se meter em questões ideológicas, políticas e/ou religiosas.


3 – COMO FAZER?


O mais sensato é priorizar os atos a partir da preparação na tentativa de frear a agressão desde o princípio. São Exemplos de ações eficazes: O treinamento do pessoal da segurança e a criação de equipe de prontidão para reforçar o time em caso de necessidade, além de cuidados com a infraestrutura com a manutenção preventiva na mecânica das portas de aço para proteção da empresa. Por último, dentro do campo que denominamos operações, a equipe de monitoramento eletrônico e respectiva ronda deve manter os olhos bem abertos com a finalidade de identificar grupos com ações típicas de Blocos mascarados ou grupos que fazem arrastões. Note que a força nociva destes movimentos está na massa de participantes e não no indivíduo isoladamente, uma vez que para agirem eles contam com o efeito manada em que muita gente é arrastada para a confusão por influência direta de pessoas previamente ajustadas.


4 – CLASSIFICANDO


Cabe no entanto esclarecer o que vem a ser terrorismo sob a nossa ótica: Terrorismo é uma ação violenta e injusta contra vidas e bens de pessoas que causa profunda dor física e psicológica. Então sob esta descrição temos vários atos no Brasil que se enquadram ao terrorismo, uma vez que os efeitos que estão na esfera da defesa da SEGURANÇA PRIVADA são os mesmos sentidos por outros atos genuinamente considerados de puro terror. À Segurança Privada cabe antever-se a estes fatos com análises bem feita das características geográficas e socioeconômico da região em que está instalada a empresa, com o fino objetivo de dotar o plano de segurança destes empreendimentos comerciais, com medidas eficazes para fazer frente a estes acontecimentos que causam perdas de vidas e danos em bens e direitos.


Assim concluímos


Postaremos pelo menos um artigo por semana aqui. Caso tenha interesse em ainda mais conteúdo, postamos vídeos e podcasts semanais. Gostou do artigo? Aprendeu algo novo? Conte para nós ai em baixo. Adoramos receber sugestões para melhorar, se tiver alguma, te convido a deixá-la nos comentários. Qualquer dúvida é só perguntar. Não se esqueça de registrar seu email para fazer parte da comunidade 9Walls, o que te dará acesso aos nosso fórum e aba de investigação.


Obrigado por ler esse artigo e até a próxima.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

+55 (61) 99524 8282

©2020 por 9walls Security.

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Spotify ícone social
  • YouTube

34.047.697/0001-78