5 melhores dicas para você não falir sua empresa

Atualizado: Fev 25



1 – NÃO IGNORE A NECESSIDADE DE INVESTIR EM UM CONSULTOR DE SEGURANÇA (SEJA QUAL FOR O RAMO DA SUA EMPRESA)


Quando você está doente, você procura um médico; quando você vai construir, procura um engenheiro e um arquiteto; quando seu carro quebra, procura um mecânico, e assim por diante. Em se tratando de qualquer empreendimento o que diferencia empresários bem sucedidos dos que estão na mira do fracasso, é o quão profissional agem no trato com várias responsabilidades. Certamente, SEGURANÇA é dentre elas uma das mais importantes. Sendo causadora, inclusive, por fechamentos precoces de portas comerciais quando ignorada.


Sabemos que você como empresário precisa tocar o seu negócio, mas não pode se afastar do fato de que dentre os vários pontos positivos ofertados pela vida em comunidade, existem outros tantos negativos que são encampados por meliantes e aproveitadores. Hoje, os crimes estão se organizando e o empresário desatento está sendo vítima de quadrilhas especializadas em todo tipo de golpe. Então se organize e busque ajuda de profissionais para frear isso. Nos casos de ataque, exige por parte do empresário, uma pronta resposta contundente e eficaz, sob pena de – você empresário! – perder seu património para este efeito colateral negativo originado da vida em sociedade. Dentre os aspectos positivos, temos a diversificação de vários profissionais no mercado que são preparados em várias ciências, inclusive, esta organização diferenciada com divisão de tarefas e especialidades é que possibilita a abertura de negócios como o seu.


Não investir em segurança é um passo para falência, basta um golpe bem aplicado e estará decretada o fim da atividade comercial.


2 – NÃO FAÇA DO NOTICIÁRIO DA TV E DE DICAS SOLTAS NA INTERNET COMO SENDO SUA ÚNICA FONTE DE INFORMAÇÃO


Este outro equívoco é mais comum do que se parece. Acontece que existe um atraso nesse pensamento que é exatamente o fato de que você pode ser o próximo a aparecer nos noticiários dando notícia do aparecimento de um golpe novo na praça. Isto se dá porque os golpes anunciados na TV ou na Internet como “novos” já estão iniciando a sua falência e consequente saída do mercado, mesmo que temporária. É bem verdade também que a internet estreitou a distância entre a informação e entre quem a busca. Porém, a ilusão de que todo conhecimento que está ali disponível é de graça é outro erro que pode fechar as suas portas, sobretudo se você aposta sua segurança exclusivamente nisto. Dicas de internet são apenas dicas e não estão ajustadas por um profissional de segurança para o seu caso específico e este é o dado negado. Sabemos que as informações que estão nestes dois importantes veículos de informação, na verdade, são apenas fagulhas de uma ciência complexa e que precisa de estudos sérios aliados à boa técnica para a sua perfeita aplicabilidade. E como a segurança é cíclica e dinâmica, você pode ser a próxima vítima em um golpe realmente de vanguarda ou simplesmente de uma releitura de um golpe velho que ressurge. Fique atento a isso.


3 – NÃO ENTREGUE A SORTE DE SUA EMPRESA A FAVORES DE VIZINHOS E AMIGOS POLICIAIS E/ OU MILITARES


Este é um erro clássico! Apostar a segurança de seu negócio que levou anos para ser estruturado à sorte de uma intervenção em nome da amizade. Basta expor o problema que já aparece absurdo. Além disso, esses amigos e vizinhos têm suas vidas e obrigações que uma hora irá incompatibilizar o auxílio pedidos com os seus afazeres pessoais. Ter amigos e vizinhos policiais é realmente um ponto positivo que pode te ajudar em várias questões isoladas na hora do aperto em alguns pontos da segurança. Porém, como não existe nesta relação de ajuda o comprometimento profissional com a sua empresa, seja combatendo o ataque injusto, seja na prevenção deste. Você – empresário – será vítima também desta confusão feita, exclusivamente de sua parte, por não entender que lhe ajudar, trata-se apenas de um favor e não de um dever por parte do amigo ou vizinho.


4 – CUIDADO COM A FRASE: “ACIDENTES NÃO ME ASSUSTAM, EU PAGO SEGURO!”


Existe algo mais além do dinheiro que pode fulminar o seu negócio. Menos mal se os efeitos negativos colhidos com um acidente fossem apenas os aspectos financeiros, porém algo mais está relacionado à ocorrência de acidentes, pois quando há perdas de vidas o empreendimento ficará marcado para sempre. Cuidados básicos poderiam evitar o rompimento de uma barragem, por exemplo, ou manutenção em um equipamento poderia evitar o desastre da aeronave. Uma fiscalização melhor poderia ter parado o motorista de ônibus etc. Uma mancha de sangue numa empresa pode fechar as portas e – nestes dias difíceis – será certamente explorada exaustivamente pela concorrência.


5 – PRODUTOS NÃO RESOLVEM SEM UMA ESTRATÉGIA PREVISTA POR PROFISSIONAL DE SEGURANÇA COM TESTES DE QUALIDADE E ADEQUAÇÃO


Hoje, virou febre adquirir equipamentos pela internet. Uma facilidade que traz consigo um problema. Vários vídeos mostram como usar e indicam o resultado esperado e você ainda pode ir ao Youtube e ver como montar vários sistemas. E, erroneamente, partindo do princípio de que todos os equipamentos vendidos foram amplamente testados e aprovados. Não existe solução universal em se tratando de segurança! Ou seja, mesmo que um determinado produto surta efeitos para um tipo de negócio, para outro, no entanto, pode não funcionar e trazer implicações sérias se transformando em um problema de segurança.


Exemplo: Concertina (cerca de arame de aço) é eficaz em presídios, em fronteiras e em zonas de guerra, onde você tem a necessidade de demonstrar o pesadelo que será caso alguém tente enfrentar aquelas barreiras.


Porém essa mesma solução de infraestrutura, que aos olhos leigos parece ser a melhor cerca de contenção, não se encaixa, por exemplo em uma escola ou em residência, pois além da segurança se buscam outros efeitos tais como: caso a estética e o efeito psicológico positivo em crianças e adolescentes. Aqui a opção poderia até ser – dependendo do caso concreto – uma cerca elétrica bem dimensionada.


A grande maioria dos vendedores não sabem sobre segurança. Quando muito conhecem o seu produto.


Assim concluímos


Postaremos pelo menos um artigo por semana aqui. Caso tenha interesse em ainda mais conteúdo, postamos vídeos e podcasts semanais. Gostou do artigo? Aprendeu algo novo? Conte para nós ai em baixo. Adoramos receber sugestões para melhorar, se tiver alguma, te convido a deixá-la nos comentários. Qualquer dúvida é só perguntar. Não se esqueça de registrar seu email para fazer parte da comunidade 9Walls, o que te dará acesso aos nosso fórum e aba de investigação.


Obrigado por ler esse artigo e até a próxima.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

+55 (61) 99524 8282

©2020 por 9walls Security.

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Spotify ícone social
  • YouTube

34.047.697/0001-78